quinta-feira, 1 de março de 2012


Você é meu.
Mesmo bravo.
Mesmo irritado.
Mesmo retardado.
Mesmo chato.
Mesmo idiota.
Mesmo estupido.
Mesmo intolerante.
Mesmo manhoso.
Mesmo dengoso.
Mesmo triste.
E a cada vez que sorri, se torna mais meu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário